Tipos de lâmpada: conheça os principais e saiba quando usá-los

A iluminação é parte fundamental da decoração de uma residência. Portanto, mesmo que você conte com a consultoria de um profissional para fazer um projeto de iluminação no seu lar, é importante que você conheça os tipos de lâmpada disponíveis no mercado. Assim ficará mais fácil saber exatamente o que você precisa e quer.

Logo, pensando em te auxiliar neste ponto, decidimos falar por aqui sobre os diferentes tipos de lâmpada. Assim, você saberá como cada um funciona e qual é o mais indicado para o que você deseja fazer na sua residência. Então, confira abaixo as informações que trouxemos para você!

Tipos de lâmpada - quarto com luz acesa

Foto por Freepik

Tipos de lâmpada:

  • Lâmpada LED

Um dos tipos mais utilizados atualmente, a lâmpada LED apresenta diversas vantagens: é bem mais econômica que a incandescente, tem maior capacidade de iluminação e possui uma boa variedade de cores e potências. É uma lâmpada mais cara, porém acaba compensando uma vez que possui um bom custo-benefício (além de ser econômica oferece uma ótima durabilidade).

Como se não bastasse, ainda sobre a variedade, ela não só pode ser encontrada em diferentes cores como também em diferentes “modelos”. Ela é encontrada na versão fita, mangueira, bulbo… e por aí vai, permitindo usos diferentes em ambientes variados.

  • Lâmpada incandescente

A lâmpada incandescente é um dos tipos de lâmpada mais antigos e baratos e é famosa por sua luminosidade amarelada e por seu alto consumo de energia. Embora ainda seja encontrada em alguns lugares ela está caindo em desuso, pois não apresenta muitos benefícios quando comparada com outros tipos presentes no mercado.

Entre as suas desvantagens está o fato de que ela esquenta bastante, podendo gerar um calor desconfortável dependendo de onde for utilizada. Além disso, ela apresenta uma baixa eficiência luminosa e não é muito durável.

  • Lâmpada halógena

As lâmpadas halógenas funcionam de maneira semelhante às lâmpadas incandescentes, podendo ser considerada como uma, porém com um consumo de energia mais reduzido e com maior potência de iluminação.

Geralmente elas são utilizadas quando se quer obter um facho de luz direcionado para destacar algum elemento no espaço. No entanto, é importante dizer que, mesmo tendo um desempenho melhor do que as incandescente tradicionais, este não é dos tipos de lâmpada mais eficientes do mercado, como é o caso da LED, e ainda pode esquentar o ambiente.

  • Lâmpada de filamento

Super charmosas, as lâmpadas de filamento faz a cabeça de muitos apaixonados por decoração, servindo como uma iluminação de destaque nos locais. Pode ser uma alternativa para quem deseja trazer uma pegada mais retrô para o lar.

Mas vale dizer que o forte desse tipo de lâmpada é seu visual. Por geralmente possuir pouca potência, não é o tipo mais recomendado para a iluminação diária comum.

  • Lâmpada fluorescente

Entre as mais compradas atualmente, a lâmpada fluorescente é econômica e durável. Ficou conhecida como lâmpada branca, mas é possível encontrá-la com a charmosa luz amarelada que ajuda a deixar os ambientes mais aconchegantes.

As que produzem uma iluminação mais clara são recomendadas para ambientes que exigem mais atenção, como o home office e a cozinha. Já as mais amareladas podem ser utilizadas nos quartos e na sala, dependendo do “clima” que se queira criar nos ambientes.

Gostou de saber sobre os tipos de lâmpada? Deseja ler mais textos como esse? Então continue nos acompanhando por aqui! Você também pode preencher o formulário abaixo para receber novidades em primeira mão.

2020-08-28T19:30:10-03:00